Apresentação do Programa

Programa de Atenção Integral ao Idoso na Amazônia Brasileira

O envelhecimento é cada vez mais acentuado da população brasileira. Associado a isso, o aumento da incidência e prevalência de doenças crônicas é uma realidade cada vez mais frequente, de modo que tanto o treinamento dos cuidadores desses idosos quanto o atendimento de pessoas na terceira idade que apresentam algum fator de risco à sua saúde são fundamentais para compreendermos o constante processo de transição demográfica pelo qual nosso país passa. Essa atenção multidisciplinar à pessoa idosa torna-se mais importante à medida que as mudanças na conformação etária de nossa população interferem em nosso sistema de saúde, muitas vezes despreparado para o atendimento desse tipo de paciente. Assim, o Programa de Atenção Integral ao Idoso na Amazônia Brasileira - PAIAMAB: proposição de modelo de cuidado no envelhecimento reafirmando papel social da universidade surge visando sua inserção nesse cenário, com os objetivos de criar um modelo de atenção integral no processo saúde-doença no idoso Amazônida, capacitar os cuidadores da pessoa idosa, dar assistência multidisciplinar aos idosos das regiões elencadas, promover a saúde do idoso por meio de ações extensivas, levantar dados epidemiológicos sobre os distúrbios associados ao envelhecimento, realizar oficinas relacionadas ao tema, além de difundir conhecimentos adquiridos em eventos científicos na área da geriontologia e geriatria. Esse programa justifica-se quando há a necessidade de se buscar as causas determinantes do processo saúde-doença dos idosos e de se conhecer as múltiplas facetas que envolvem o processo de envelhecimento, para que esse desafio seja enfrentado por meio de planejamento adequado.

A missão da UFPA é gerar, sistematizar e socializar o conhecimento e o saber, bem como formar profissionais e indivíduos com capacidade de promover a transformação e o desenvolvimento da sociedade. Nesse contexto, se faz oportuna a proposição do presente Programa, que como previsto no Plano de Desenvolvimento Institucional da UFPA (2001-2010) incorpora a promoção de saúde e bem-estar, visando o desenvolvimento humano, a melhoria da qualidade de vida e a integralidade da assistência, acolhimento e proteção desse grupo, indo mais além de uma simples estratégia de mudança de hábitos de cada um em particular.

O presente programa possui valoração para a UFPA, pois:
i) contempla um espaço interdisciplinar de formação para os alunos dos cursos da área das ciências da saúde, biológica e humana durante e em diversas etapas das suas formações, com vistas a promover o intercâmbio de informações, maturidade acadêmica e relação ética entre esses futuros profissionais;
ii) permite a vivência dos acadêmicos com as realidades sócio-econômico-culturais locais e regionais, em especial da região Sul do Pará, na busca de autonomia, discernimento e compromisso dos futuros profissionais com a integralidade da atenção e a qualidade e humanização do atendimento prestado aos indivíduos, famílias e comunidades; e por fim e igualmente importante,
iii) incentiva a prática em vigilância em saúde pública, frente a análise e detecção de riscos e agravos à saúde e bem-estar dos idosos e tomada de decisão, que leva ao estabelecimento de medidas preventivas e mantenedoras da qualidade de vida dos idosos.